Juliette Binoche no ônibus

Hoje pela manhã vi Juliette Binoche no ônibus. Sentou-se ao meu lado. Não trocamos uma palavra. Ela estava com um vestidinho roxo e carregava uma bolsa com um canguru bordado. Seus cabelos ainda estavam molhados e ela piscava muito lentamente, como quem ainda carrega algum sono logo após sair de casa.